Menu

O Diário de Riachão O Diário de Riachão Author
Title: Alunos da rede estadual têm direito à isenção na inscrição no Enem 2013
Author: O Diário de Riachão
Rating 5 of 5 Des:
A Secretaria de Estado da Educação (SEE) informou que os alunos da rede estadual de ensino têm direito à isenção nas inscrições para o Exam...

A Secretaria de Estado da Educação (SEE) informou que os alunos da rede estadual de ensino têm direito à isenção nas inscrições para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2013, abertas a partir desta segunda-feira (13) até o dia 27 deste mês. Os estudantes que irão solicitar a Certidão de Conclusão do Ensino Médio devem realizar a solicitação no ato da inscrição às instituições certificadoras.

Entre as novidades do Enem 2013 está o aumento no rigor das correções, o incremento no número de pessoas envolvidas na aplicação e correção dos testes e a ampliação da faixa de isenção para estudantes carentes que agora vai até 1,5 salário mínimo per capita (em 2012 era de um salário). Alunos que estejam concluindo o Ensino Médio na rede pública também terão direito à isenção da taxa de R$ 35. A expectativa é de que seis milhões de estudantes se inscrevam no exame.

As mudanças que implicarão em mais rigor na correção das provas são as seguintes: a pronta anulação de redações que fujam deliberadamente do tema proposto; a restrição na aceitação de desvios gramaticais ou de convenções, somente como excepcionalidade e quando não caracterizarem reincidência. Além disso, este ano, a discrepância entre as notas dos dois corretores independentes não pode ultrapassar 100 pontos – no ano passado, a discrepância era de 200 pontos. Se houver discrepância maior de 100 pontos, a redação passa por um terceiro corretor. Caso a discrepância permaneça, a correção é feita por uma banca de especialistas. Redações com discrepâncias maiores que 80 pontos entre as competências avaliadas também são corrigidas por um terceiro corretor.

Provas - As provas do Enem serão realizadas nos dias 26 e 27 de outubro, sempre a partir das 13 h (horário de Brasília). No primeiro dia de aplicação do exame, os candidatos farão questões de ciências humanas e ciências da natureza. No segundo dia de provas, serão aplicadas as questões de linguagens, códigos e suas tecnologias, redação e matemática.

A previsão do Ministério da Educação (MEC) é de que mais de seis milhões de pessoas façam o Enem este ano. A prova será realizada em 1.632 municípios brasileiros, em 15 mil locais de aplicação. A aplicação envolverá 600 mil profissionais, entre coordenadores, chefes de sala, fiscais e apoio. Este ano, o processo de certificação do Enem contará com 3.622 pontos de atenção.

Portal Correio
Reações:

Sobre o Diário de Riachão

Publicidade

Postar um comentário Blogger

Comente esta notícia

 
Top