Menu

O Diário de Riachão O Diário de Riachão Author
Title: Final de semana violento em Campina Grande com três assassinatos, roubos e tentativas de homicídios
Author: O Diário de Riachão
Rating 5 of 5 Des:
Assassinatos, roubos, espancamentos, arrombamentos e tentativas de homícidios. O final de semana em Campina Grande, foi violento e movimento...
Assassinatos, roubos, espancamentos, arrombamentos e tentativas de homícidios. O final de semana em Campina Grande, foi violento e movimentou a área polícial. Três pessoas foram assassinadas na cidade em um intervalo de 48h.A violência começou na noite de sábado, quando a estudante Renata Macedo de Andrade, 22, foi morta com um golpe de faca no peito no bairro do José Pinheiro. Após várias diligências da polícia, um homem foi preso, neste domingo (12), suspeito de homicídio em Campina Grande. Segundo a polícia, Renata estava acompanhada de Bruna Rafaela Gonçalves de Farias, 26 anos, e do acusado, Tibério Pedro Melo Agra, 31 anos, antes do crime.

A polícia investiga se o acusado que é irmão de um ex-deputado de Campina Grande, é usuário de drogas conforme afirmou em depoimento familiares da vítima ao delegado regional Marcos Paulo Vilela. Em depoimento à delegada Maíra Roberta, o acusado teria confessado que era usuário de drogas desde os 12 anos. Ainda no sábado o popular Inácio Pereira de 35 anos foi assassinado no bairro das Malvinas a golpes de faca e lavanca. Os motivos do crime não foram revelados pela polícia. O acusado fugiu após cometer o crime. O outro assassinato foi registrado na zona leste mas até o momento a polícia não identificou o nome da vítima e do acusado.

A onda de violência avançou na noite do sábado quando uma ação frustrada de assaltantes acabou deixando um suspeito e uma cliente feridos, após um tiroteio dentro de um supermercado no bairro da liberdade. A mulher de 26 anos ferida, foi atingida de raspão por uma bala perdida.

De acordo com informações da Central de Operações da Polícia Militar (Copom) dois indivíduos armados entraram no estabelecimento e em seguida anunciaram o assalto.

O vigilante que fazia a segurança no momento da ação reagiu e houve troca de tiros, no fogo cruzado um dos assaltantes foi baleado. Devido á reação do segurança, os bandidos saíram do estabelecimento sem levar nada.

As imagens das câmeras de segurança foram utilizadas para reconhecer um dos acusados que deu entrada no hospital de Emergência e trauma de Campina Grande, depois de ser ferido durante a troca de tiros. A dupla fugiu com destino ignorado, mas pouco depois um homem com as mesmas características deu entrada no Hospital de Trauma, vítima de tiro. Após abordagem da polícia e análise de imagens das câmeras de vigilância, ele foi identificado pelo Serviço de Inteligência da PM como um dos suspeitos de praticar o assalto.

A polícia informou ainda que o suspeito confessou participação no crime, mas não identificou que seria o seu suposto comparsa. Rondas foram realizadas, mas não houve prisão do outro suspeito de praticar a tentativa de roubo. A Mulher atingida na troca de tiros foi encaminhada para o trauma em seguida foi liberada.A polícia realizou rondas em busca do segundo suspeito, mas até o presente momento ele continua foragido.

Mais dois estabelecimentos foram roubados em Campina Grande no fim de semana. Na noite de sábado, um homem roubou R$ 250 e três celulares de um mercadinho no bairro do Santa Rosa. Conforme a PM, ele fugiu a pé com destino ignorado e não foi localizado nas rondas policiais.

Já às 2h deste domingo (12), seis assaltantes em seis motos roubaram um posto de combustíveis em Lagoa de Dentro, no distrito São José da Mata. De acordo com a polícia, quatro homens entraram no posto e renderam o frentista, enquanto dois assaltantes estariam dando cobertura à ação. Eles levaram maços de cigarro e uma quantia em dinheiro não informada, fugindo com destino ignorado.

Expresso PB Com PB agora
Reações:

Sobre o Diário de Riachão

Publicidade

Postar um comentário Blogger

Comente esta notícia

 
Top