Menu

Diário de Riachão Diário de Riachão Author
Title: Polícia prende suspeito de estuprar mulher em Apodi
Author: Diário de Riachão
Rating 5 of 5 Des:
Por Márcio Morais Policiais da 2ª Companhia de Policia Militar de Apodi prenderam um mecânico suspeito de estuprar, agredir e roubar...
Por Márcio Morais

Policiais da 2ª Companhia de Policia Militar de Apodi prenderam um mecânico suspeito de estuprar, agredir e roubar uma mulher de 46 anos, neste domingo (20), naquela cidade. Segundo a polícia, o crime teria sido praticado pelo mossoroense João Pereira da Silva, 42 anos, que estava morando em Apodi, pois trabalhava em uma empresa responsável pela construção do Projeto de Irrigação da Chapada do Apodi.

O delegado de Apodi, Renato da Silva Oliveira, ouviu a vítima e a mesma narrou na delegacia que estava bebendo em um bar da Baixa do CAIC, zona periférica da cidade, quando o mecânico lhe ofereceu uma carona. Em seguida, ainda de acordo com o depoimento, ele a levou para um matagal e praticou o estupro e ainda agrediu a mulher com socos e chegou a subtrair seus pertences um celular, uma bolsa e certa quantia em dinheiro, valor não revelado pela vitima.

Após registrar o Boletim da Ocorrência, os policiais realizaram várias diligências e encontrou o acusado trabalhando em um canteiro de obras. João Pereira ficou entre vários presos que cumprem pena no Centro de Detenção Provisória de Apodi e mesmo assim foi reconhecido pela vitima.

A prisão do suspeito foi realizada pelo sargento Invanildo e pelo soldado PM Túlio. O delegado Renato Oliveira realizou algumas diligências e conseguiu encontrar os pertences da vítima no interior do carro do mecânico. “Ele ficou dizendo todo tempo que era inocente, mas a versão dele não me convenceu e logo a ficha dele caiu”, comentou o delegado.

A vitima foi encaminhada para o Instituto Técnico-Científico do de Polícia do Rio Grande do Norte (ITEP) e foi constatado que a mesma tinha sofrido abusos sexuais e agressões física. A polícia espera que outras possíveis vítimas possam reconhecê-lo. Informações podem ser repassadas pelo 3333-2737 ou pelo 190 da Policia Militar.

Durante todo o interrogatório, o suspeito negou que tivesse tido qualquer contato com a mulher, mas admitiu que lhe deu uma carona."Não fiz nem um tipo de pressão ou agressão", declarou. Após ser ouvido, João foi encaminhado para a carceragem do Centro de Detenção Provisoria de Apodi, onde aguardará por decisão da justiça da Comarca de Apodi.
Reações:

Sobre o Diário de Riachão

Publicidade

Postar um comentário Blogger

Comente esta notícia

 
Top