Menu

Diário de Riachão Diário de Riachão Author
Title: Luís Torres acusa Rômulo de traição e diz que ele tomou decisão na 'calada da noite'
Author: Diário de Riachão
Rating 5 of 5 Des:
O secretário de Comunicação do Estado, Luís Torres, em entrevista ao programa Correio Debate, da 98 FM Rede Correio Sat, na tarde desta ...
O secretário de Comunicação do Estado, Luís Torres, em entrevista ao programa Correio Debate, da 98 FM Rede Correio Sat, na tarde desta sexta-feira (27) acusou de traição a atitude do vice-governador Rômulo Gouveia (PSD) de deixar o grupo de apoio à reeleição do governador Ricardo Coutinho e disse que a atitude pegou todos de surpresa.

O secretário acusa Rômulo de ter tomado a decisão na madrugada, na 'calada da noite', sem a coragem de falar pessoalmente ao governador Ricardo Coutinho. 

"Ele devia ter tido a coragem de olhar nos olhos e dizer diretamente quais as razões, ter confrontado a tese de que ele mesmo autorizou ao PSB e ao governador a condução das discussões. Portanto fica nossa surpresa e da Paraíba diante de sua postura", disse.

De acordo com o secretário de Comunicação, Rômulo participou desde o início das discussões sobre a escolha da chapa majoritária e esteve sempre informado sobre todos os passos que estavam sendo dados em relação às questões decididas. "O próprio Ricardo sempre esteve reafirmando que ele era do comando e deveria estar dentro do processo de construção da chapa majoritária".

Além disso, segundo Torres, Rômulo teria participado, usufruido e se envolvido não só com as oportunidades que o governo lhe garantia, mas com as conquistas e avanços da administração que participou durante os três anos e meio de governo.

Na opinião de Torres, é importante que a Paraíba saiba que Rômulo teria dado total aval para que o governador construísse a chapa majoritária, tendo inclusive colocado o cargo de senador que pleiteava à disposição.

Mas para a surpresa de todos, conforme o secretário, Rômulo alegou justamente a saída da chapa majoritária liderada pelo PSB para se desligar. E o mais teria impressionado aos socialistas é que o vice-governador estaria deixando o apoio do PSB para se unir ao PSDB, tendo o mesmo espaço, ou seja, a candidatura a deputado federal.

Portal Correio
Reações:

Sobre o Diário de Riachão

Publicidade

Postar um comentário Blogger

Comente esta notícia

 
Top