Menu

Diário de Riachão Diário de Riachão Author
Title: Professores do ensino particular decidem participar da greve geral do dia 11
Author: Diário de Riachão
Rating 5 of 5 Des:
Educadores acreditam que a solução para o Brasil não é "aumentar as injustiças sociais" Os professores de instituições de en...
Educadores acreditam que a solução para o Brasil não é "aumentar as injustiças sociais"

Os professores de instituições de ensino particulares definiram no último sábado que irão paralisar as atividades na próxima sexta-feira, dia 11, no Dia Nacional de Greve organizado pelas principais centrais sindicais do país. Reunidos pelo Sinpro/RS, sindicato que representa os professores de todos os níveis e modalidades do ensino privado do Rio Grande do Sul, os educadores manifestaram-se formalmente contra políticas do governo Michel Temer.

“A solução dos problemas econômicos e sociais do país não passa pelo aprofundamento das desigualdades e injustiças sociais”, destacou o professor Marcos Fuhr, diretor do Sindicato dos Professores do Ensino Privado. “As iniciativas do governo federal impactam profundamente no trabalho dos professores”, completou.

Os professores do sindicato são contra a PEC 241/55, que congela por 20 anos o orçamento da União, à MP 746, que reforma o ensino médio; às iniciativas legislativas e judiciais que autorizam a terceirização das atividades-fim e a proposta da reforma da previdência, que estabelece a idade mínima de 65 anos para aposentadoria.

Na assembleia, também foi aprovado o apoio dos professores ao movimento de ocupação das escolas pelos estudantes do Rio Grande do Sul, que tem uma pauta de reivindicações semelhante à da categoria. O Dia Nacional de Greve foi organizado pelas centrais sindicais para protestar contra as decisões tomadas pelo governo do presidente Michel Temer (PMDB) que, segundo elas, estaria “roubando” os direitos dos trabalhadores e dos cidadãos.

CORREIO DO POVO
Reações:

Sobre o Diário de Riachão

Publicidade

Postar um comentário Blogger

Comente esta notícia

 
Top